Gatos em apartamento??? Coloque telas nas janelas e sacadas já!!!

16 08 2010

TELAS JÁ !!!

Se você mora em apartamento, não importa o andar, telas são item obrigatório.

Trata-se de posse responsável. Tem gente que acha que fica feio e por isso prefere que o gatinho corra o risco de morrer.

Perguntamos? Isso é amar? Na nossa opinião, não.

Tem gente que acha que o gatinho nunca vai cair porque conhece um amigo que tem um gato num apartamento sem telas há 10 anos. É verdade que alguns gatos não demonstram interesse por janelas e sacadas ou são perfeitos equilibristas. Mas quantos deles são assim? Ou será apenas sorte ? Você vai esperar seu gatinho morrer para se arrepender? Ou é do tipo que trata animais como objetos, “ah, morreu, adoto outro” ?
Quem ama cuida, protege, zela, quer bem.

Se esse não é o seu caso, você não está apto para adotar um gatinho. Adote um bichinho que não caia, não seja curioso, não se encante com pássaros, não desafie a natureza num dia de garoa. Um gato não serve pra você.

Conheça a seguir  duas histórias com um fim triste, que poderia ter sido evitado.

Melancia
Melancia foi adotado pelo site em maio de 2005. Um gatinho lindo, brincalhão, fofo de tudo.
Sua dona, Kelly, mentiu pra gente, prometendo instalar as telas no seu apartamento… coisa que nunca aconteceu.
Melancia foi encontrado morto no chão por uma ex-amiga da Kelly, estatelado, porque provavelmente se empolgou com algum passarinho ou se cansou de esperar que a porta da sacada lhe fosse aberta.
Um gatinho que poderia viver pelo menos uns 10, 12 anos a mais… acabou assim…

A pergunta que fica é: podemos confiar nas pessoas?
Um gatinho que tratamos com carinho, amor, que foi vacinado, castrado…
Não arriscamos mais a sorte dos nossos gatinhos.
Para levar um gatinho pra casa é obrigatório ter instalado as telas nas janelas/sacadas ANTES da adoção.

Ronron
A Ronron era uma gatinha fofa, carinhosa, ronronenta, tudo de bom.
Ela tinha dono, um traficante da região central de São Paulo. Sempre engravidava e ele jogava os bebês na porta da casa dos Resgatinhos… tem gente pra tudo…

Um belo dia, Ronron caiu do sétimo andar… e o seu dono, vendo a gata toda ferrada, a abandonou ali também. Claro, “consertar” uma gata nesse estado sairia muito caro.

Com a queda, Ronron quebrou 1 costela, 3 patas (uma em 4 partes, outra em 3 e outra “apenas” em uma), a bacia ficou esmigalhada, ralou o queixo, e teve hemorragia (porque estava grávida novamente e com a pancada perdeu os bebês).


30/10/2004 – dois dias após a queda, ainda sem ser medicada

Ronron foi imobilizada para tomar antibióticos e dois dias depois passar por três cirurgias, que custaram R$968,60.


31/10/2004 – Um dia antes da cirurgia

A cirurgia foi complicada. O útero estava quase rompido e ela tinha muitos coágulos.
Uma das patinhas teve que ter o osso raspado, porque a fratura era exposta.
Os bebezinhos, coitados, estavam mortos e cheios de hematomas. Foram retirados.
Ronron ficou com 3 patinhas imobilizadas, 2 delas com pinos. Não conseguia se levantar. Fazia xixi e cocô nela mesma e precisava comer com ajuda (seringa com papinha).
Se sobrevivesse, Ronron iria ficar feito um robozinho andando.



02/11/2004 – Após a cirurgia

Ronron começou a juntar água no pulmão porque ficava o tempo todo deitada. Quando estava muito, mas muito animadinha, ela conseguia levantar o pescoço. E só.
Ronron também não queria mais comer. Forçavamos papinha com seringa o tempo todo, mas ela cuspia metade…
Aí ela começou a juntar catarro e ter dificuldade para respirar. Você já tentou comer entupido de gripe? Imagine uma gatinha assim, só que ainda sem poder se mexer…
Mesmo com ajuda da inalação Ronron não comia direito e  foi enfraquecendo, tinha crises de falta de ar de ficar com a linguinha de fora. Foram noites e mais noites correndo para o veterinário de madrugada. Mas queríamos muito salvar a vida dela. Faríamos tudo de novo…



05/11/2004 – Definhando

Numa segunda-feira, Ronron acordou com uma cara boa, parecia que estava sorrindo, parecia uma bonequinha japonesa.
A tia Susan a levou para o vet, onde ela tomava 5 injeções diárias. Tudo parecia ir muito bem.
Eis que, do nada, Ronron começou a ter convulsão e parada cardíaca. Corremos com ela para um hospital veterinário, para ela ficar no oxigênio e com monitoramento cardíaco, mas outra crise a levou.


09/11/2004 – Pouco antes de morrer
Ronron então se libertou das faixas e pinos, voltou a comer e a brincar com outros gatinhos que se foram, vítimas da irresponsabilidade de seus donos. Você acha que o dono dela se importou?

Coloque telas nas janelas e sacadas do seu apartamento.
“Acidentes” como este podem acontecer com qualquer gatinho… Gatos são bichos curiosos, se empolgam com pássaros, insetos, podem escorregar em um dia de garoa ou simplesmente se desequilibrar. Não vale a pena pagar pra ver.

Aliás, não podemos chamar isso de acidente… O que pode ser prevenido e não é feito não é acidente, é irresponsabilidade.

Bibliografia:

http://adoteumgatinho.uol.com.br/susan_ronron.htm
Anúncios

Ações

Information

2 responses

4 09 2010
Daniela

Olá!
Estou em prantos por nao ter tomado as devidas precauçoes e por causa disso ter perdido u gato muito amado.
Como ja tenho 2 que nunca se interessaram pela janela, simplesmente em minha ignorancia achei que ele seria como os novos irmaozinhos.
Coloquei a tela no outro dia, más com muita dor no coração.
Ele era especial, fragil, o gato mais carinhoso que já conheci. Por pura distração nao coloquei a tela. Deixo este depoimento para dizer que amava meu gato, e que por pura distração deixei algo para depois por achar não ser necessário.
Farei de tudo e de toda a minha atenção para não errar com seus irmãozinhos.
O gato é um ser cheio de amor e vida. Ele merece carinho, dedicação e respeito.
Muito obrigada!

4 09 2010
sahcmira

Olá Dani,
O importante é que você aprendeu que é necessário haver proteção por mais que achamos que não precise. Fico feliz pela atitude responsável daqui em diante. Calma, que apenas um se foi… antes se dar conta da sua falha quando perdeu apenas um gatinho, doque se dar conta só depois que perdeu todos eles. Estou mesmo feliz por ter tomado logo essa atitude antes de maiores tristezas que possam lhe ocorrer se não reconhecesse a importância da proteção em apartamentos. Talvez seu gatinho tenha ido embora para um lugar melhor, para que os outros pudessem ter a sua atenção maior quanto a vida deles. Obrigada pela visita e pelo desabafo. Também já tive perdas…Mas é bom sempre pensar que tudo pode nos acontecer, e não esperar para ver, e muito menos achar que nunca acontecerá conosco. Beijoss

^^ se cuida

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: